EESTATÍSTICAS DIOCESES E ESCOLAS

UTILIZADOR:  
PASSWORD:    

Lisboa: "Ser memória de Deus na escola"

Durante a manhã de dia 30 de novembro cerca de 300 professores de EMRC estiveram reunidos na Universidade Católica Portuguesa, em lisboa, na reunião geral de professores.

"Como docentes temos que ser portadores da memória de Deus de modo a reedificarmos o edifício do Senhor que é toda a humanidade". As palavras são do padre Paulo Malicia, diretor do SDER na manhã da reunião geral de professores da diocese. Na ocasião o padre Paulo Malícia começou por afirmar que o "discurso miserabilista tem deitado a baixo a construção de cada um de nós". Neste contexto é preciso olhar "para o que nos diz o Senhor: cada um é grande e essencial para a construção do tempo de Deus que é a humanidade inteira. Precisamos de criar uma nova sociedade." Recordando a mudança de paradigma " em todas as áreas da sociedade" o director do SDER lembrou que "é necessário continuar a ser memória de Deus num mundo pouco habituado ao ouvir Deus", afirmou.

Colocação de professores em Lisboa

No final da sua intervenção o padre Paulo Malicia destacou o facto de "em relação ao ano anterior terem entrado 10 novos professores de EMRC" na diocese de Lisboa. O diretor do SDER lembrou que "em virtude das alterações legislativas "a situação dos professores sem habilitações é complicada" levando mesmo alguns docentes "que deram muito pela disciplina ao longo de muitos anos" a abandonarem "funções docentes já este ano precavendo-se para as mudanças que se avizinham". Em termos de estatísticas o diretor do SDER lembrou que "continuamos com o mesmo número de alunos". No entanto "o aumento do número de alunos por turma levou a que haja menos horas para os docentes de todos os grupos disciplinares e por isso mesmo também para os docentes de EMRC".

Move-te pela mudança um projeto de intervenção para a cidadania

No final da manhã o professor João Barros apresentou o projeto "move-te pela Mudança". O projeto recolhe um conjunto de objetivos e conteúdos da EMRC em formato de projeto para ser desenvolvido em todas as escolas da diocese. No último ano o projeto foi "aplicado em escolas pilotos" e este ano passa a estar disponível "para todos os professores de EMRC de Lisboa". Em preparação está já a extensão do projeto aos "alunos do 1º ciclo" estando já constituída uma equipa de trabalho de docentes de EMRC que trabalharão na formulação dos objetivos e conteúdos" adaptando-os a este nível de ensino.

O projeto é uma parceria entre o SDER, a Fundação Fé e Cooperação e o Departamento de Educação para o Desenvolvimento da Fundação Gonçalo da Silveira.

Novo enquadramento legislativo

Juan Ambrosio, docente da UCP, Fernando Moita, docente de EMRC e Padre Paulo Malicia, director do SDER apresentaram, no final da manhã, as alterações do regime legislativo geral e em particular no que se refere à EMRC com a introdução do Decreto-lei 70/2013 de 23 de maio.




© SNEC, Todos os Direitos reservados | Contactos |