0 / 0

Semana Nacional: «Na EMRC encontrei Jesus Cristo»

Aluno de Educação Moral e Religiosa Católica (EMRC) apresenta o seu testemunho em plena Semana Nacional da Educação Cristã

De 29 de outubro a 5 de novembro a Igreja celebra a Semana Nacional da Educação Cristã Sob o tema «A Alegria do Encontro com Jesus Cristo».

Roberto Nascimento, 17 anos, da diocese do Porto, enviou ao EDUCRIS, o seu testemunho de “encontro” com Jesus nas aulas de EMRC:

“Frequentei esta disciplina durante 8 anos e ainda assim EMRC faz parte da minha vida”. O aluno confessa que “entrei na disciplina no 5º ano sem saber bem o que isto era, o que se estudava, o que se fazia naquelas aulas, que tipo de conhecimento iria obter... mas em pouco tempo percebi que EMRC permitia-me conhecer melhor quem era Cristo e tinha presente a ideia que se falava da igreja somente”, recorda.

Para o aluno a chegada ao 10º ano permitiu-lhe “novas aprendizagens, como por exemplo aprender a viver em sociedade e a escolher os melhores valores para a minha vida. Permitiu-me realizar encontros a nível nacional com todos os alunos desta disciplina que me trouxe amizades (não são amizades para uma vida, mas para duas), aprender coisas novas com elas, poder divertir-me e fazer as asneiras inocentes que todos fazemos”.

Como grande experiência Roberto Nascimento lembra “a grande oportunidade que transformou a minha vida até aos dias de hoje: o voluntariado com os sem-abrigo”:

“Recebi este convite e, com 15 anos, fui para as ruas do Porto fazer voluntariado. Um pouco sem noção daquilo com que me iria deparar, arrisquei e disse que sim! Reuni com o grupo, ajudei a partir o pão enquanto as cozinheiras despejavam a sopa quente para dentro das térmicas e outros carregam a carrinha. Por volta das 19h00 lá fomos para as ruas frias daquela cidade onde só iria encontrar umas 10 pessoas no máximo (pensando eu). A verdade é que não consegui dormir nessa noite devido aos meus pensamentos estarem sobrecarregados naquelas 150 pessoas que vieram pedir uma pequena refeição e daquelas 3 crianças que, acompanhadas pelos pais, pediram por um cobertor porque nas suas casas passavam frio”.

Roberto Nascimento afirma que estas experiencias lhe provocaram o desejo de aprofundar o conhecimento e o encontro com Jesus Cristo. Hoje, com 17 anos, é animador de um grupo de Jovens Missionários da Consolata e coordenador de um grupo de voluntariado.

Educris|01.11.2017



Newsletter Educris

Receba as nossas novidades