0 / 0

Sayes: Máxima, Júlia e Veríssimo são «inspiração» para adolescentes

Igreja de Lisboa recorda, a 3 de outubro, os irmãos mártires que fazem parte do imaginário do projeto Sayes

Veríssimo, Máxima e Júlia, três jovens do século IV d.C. vindo de Roma para Lisboa e se converteram ao cristianismo são hoje recordados pelo Patriarcado de Lisboa como primeiros mártires da cidade das sete colinas.

O «Sayes, aprender a dizer sim», projeto de Catequese com Adolescentes rumo à JMJ Lisboa 2023 recuperou a memória destes três jovens convertidos ao cristianismo e que durante a perseguição de Diocleciano se apresentaram livremente diante dos romanos como cristãos a fim de dar testemunho da sua fé em Cristo.

“O imaginário proposto recupera os nomes dos três mártires de Lisboa, Máxima, Veríssimo e Júlia, para personificar os adolescentes que vão ser os protagonistas desta caminhada de preparação para a JMJ Lisboa 202”, explica o padre Tiago Neto, coordenador da iniciativa que reúne mais de 60 mil adolescentes em todo o país.

De acordo com as crónicas chegada até aos dias de hoje, e após a sua morte os corpos dos três irmãos foram sepultados num local próximo do rio e que ganhou a toponímia de Santos-o-Velho. Mais tarde, após a reconquista da cidade, os restos mortais foram levados para novo local, um convento acabado de construir noutro lugar da cidade e que se passou a chamar Santos-o-Novo.

Educris|03.10.2020

 



Recursos:
Say yes: Os Santos Veríssimo, Máxima e Júlia:
Secundário:Download Documento


Newsletter Educris

Receba as nossas novidades