0 / 0

Braga: «Catequese que contagia numa Igreja em Saída», em análise

Formação realiza-se em formato virtual e conta com a presença de D. António Moiteiro

O presidente da Comissão Episcopal da Educação Cristã e Doutrina da Fé (CEECDF) é um dos convidados da formação «Catequese que contagia numa Igreja em Saída» que se realiza a 5 de junho.

A iniciativa, da responsabilidade da Equipa Arciprestal de Catequese da Póvoa de Lanhoso, na Arquidiocese de Braga, quer ser oportunidade de “reinvenção do sistema de formação em tempos de pandemia”.

“A formação permanente dos catequistas é uma preocupação contínua. Acreditamos que este tempo peculiar nos pede engenho na reinvenção dos métodos para as novas necessidades evangelizadoras. Esta formação é mais um exemplo disso. E a criatividade é a «coluna vertebral de um catequista» como afirma o papa Francisco”, afirma Fátima Castro coordenadora da ECA em declarações ao Educris.

Ensaiar respostas para o modelo catequético

Numa altura de profundas mutações na vida da sociedade e das famílias, com a democratização do teletrabalho e com as escolas a “ensaiarem respostas” à catequese é lançado o desafio de ser, ainda mais, contagiante.

“A missão de evangelizar não tira férias nem fica em quarentena daí que procuramos ser, durante estes últimos meses e doravante, sinal de vida e de esperança para cada um dos nossos catequistas, catequizandos e famílias. Ao longo destes últimos tempos muitos catequistas, no isolamento das suas casas, foram amadurecendo a arte de fazer catequese e, mesmo sem a presença física daqueles que lhes estavam confiados, proporcionaram junto das famílias verdadeiros encontros de comunhão e intimidade com Jesus”, sustenta a responsável.

Boas práticas em catequese

Esta formação, de 5 de junho, será a primeira de duas, e quer ser uma oportunidade de “ler uma realidade dinâmica e procurar respostas com criatividade e fundamentos catequéticos”.

Para além de D. António Moiteiro a formação vai contar com a participação de Carlos Novais, da paróquia do Sobrado, na diocese do Porto, e que tem vindo a desenvolver projetos de catequese com adolescentes a partir da aplicação WhatsApp, e Céline Vale, da paróquia do Prado, na Arquidiocese de Braga.

A formação vai realiza-se recorrendo à plataforma Zoom, a partir das 21h00 do dia 5 de junho. Os interessados podem inscrever-se no formulário AQUI

Educris|28.05.2020

 



Newsletter Educris

Receba as nossas novidades