Madeira: «Deixem-se encontrar por Jesus Cristo», pede D. Nuno Brás

Encontro diocesano de catequistas da Madeira terminou com eucaristia

D. Nuno Brás disse aos catequistas que o fundamental do seu ministério passa “pelo encontro com Jesus Cristo” e o acompanhamento de outros para esse encontro.

“Aquilo que nós temos de transmitir às crianças e aos adolescentes e aos jovens do nosso grupo é Jesus Cristo, tudo o resto ou se encaixa aqui ou está a mais”, afirmou citado pelo Jornal da Madeira.

Na eucaristia, a que presidiu no encerramento do encontro que decorreu na paróquia do Caniçal, o prelado sustentou a necessidade dos agentes se formarem e fazerem caminho de encontro com Jesus Cristo para o poderem propor a outros.

“Gravem isto na vossa memória e no vosso coração” e para que se “deixem encontrar por Jesus Cristo verdadeiramente”, Ele que “anda tantas vezes por aí à nossa procura e nós a fugirmos dele, distraídos com tanta coisa para fazer”, lembrou.

Tomando a missão do profeta Jonas que havia sido enviado por Deus a Nínive, D. Nuno Brás afirmou que também na tarefa de ser catequista, muitas vezes, surge a ideia de que “não é possível”.

“Muitas vezes olhamos para a realidade dos nossos grupos de catequese, para as nossas paróquias e dizemos: não é possível. Mas, e apesar dos maus profetas, que nós somos tantas vezes, apesar de tantas vezes não termos vontade, de desistirmos é possível”, reforçou.

Aos catequistas o bispo diocesano desafiou a “conhecer Jesus” pois “é em Jesus que nós vamos à procura daquilo que dizemos acerca do Pai. Ele é o revelador do Pai e revelação do Pai. E o que Deus tem para dizer ao mundo, o conteúdo que Deus quer que nós conheçamos e vivamos, não é uma ideia, mas uma pessoa: Jesus Cristo”.

Imagem: Jornal da Madeira/Duarte Gomes

Educris|09.10.2021



AJUDA de Navegação


© SNEC, Todos os Direitos reservados | Contactos |