Fundação AIS apresenta novo relatório sobre «Liberdade Religiosa no Mundo»

Iniciativa decorre em simultâneo em Lisboa, Roma, Paris, Madrid, São Paulo, Londres, Berlim, Toronto e Manila

A Fundação Ajuda à Igreja que Sofre (AIS) apresenta, no próximo dia 20 de abril, o mais recente «Relatório sobre a Liberdade Religiosa no Mundo».

Nele estão analisados “os 196 países”, num esforço de atualização dados sobre a Liberdade Religiosa no Globo durante o último ano.

“Pela primeira vez contém seis análises regionais nas quais os 196 países foram subdivididos e permitem tirar conclusões importantes sobre a violação deste direito fundamental”, explica o secretariado português da Fundação Ajuda à Igreja que Sofre (AIS).

O novo relatório, que apresenta “uma análise minuciosa da realidade ao longo dos últimos dois anos”, apresenta uma nova categoria ‘sob observação’ que inclui Estados onde a “prática da liberdade religiosa começa a revelar-se ameaçadora”, considera a fundação em comunicado enviado ao EDUCRIS.

“As questões religiosas estão na base de processos de discriminação, exclusão e perseguição de milhões de pessoas de todas as crenças em muitos países”, alerta.

O «Relatório sobre a Liberdade Religiosa no Mundo» é o 15º do género que a fundação publica desde 1999 e pretende mostrar a “importância da liberdade religiosa, consagrada no artigo 18º da carta Universal dos Direitos Humanos”, alertando para os “‘sérios reveses’ que têm verificado em várias regiões do globo”.

Educris|29.03.2021

Imagem: AIS



AJUDA de Navegação


© SNEC, Todos os Direitos reservados | Contactos |