0 / 0

Viana do Castelo: Solidariedade chega a alunos em Cabo Verde

Campanha de material escolar liga Cabo Verde a Viana do Castelo através da Educação Moral e Religiosa Católica

A Ideia “surgiu numa visita a Cabo Verde” quando “fazia o acompanhamento da implementação da disciplina de Educação Moral e Religiosa Católica (EMRC) no território”.

“Apercebi-me das necessidades locais e partilhei o que encontrava, nas diferentes escolas, com os colegas professores de Viana do Castelo”, explica Lígia Pereira, diretor do Secretariado Diocesano da EMRC de Viana do Castelo.

Os professores de Viana do Castelo “aportaram ideias” e a campanha surgiu naturalmente pretendendo “fornecer “material escolar e manuais de EMRC que se revelavam muito caros na realidade cabo verdiana”, aponta.

Com início no passado mês de dezembro a iniciativa já recolheu “algumas centenas de quilogramas” de material escolar para as escolas do arquipélago.

“A pandemia também traz muito espírito de solidariedade. As pessoas sentem e compreendem a necessidade do Outro como se fosse sua. Todos compreendemos que não conseguimos salvar-nos sozinhos. E aqui, verificamos, que os nossos alunos, assumiam que tinham coisas a mais e ofereceram o que tinham de bom para os seus amigos em Cabo Verde”, reforça a responsável.

Em Portugal a empresa ‘Auto acessórios Formigosa’, de Valença, “prontificou-se a ajudar” e em Cabo Verde “contamos com a ‘Autopeças Europa’”.

“São duas parceiras que asseguram o transporte de Portugal a Cabo Verde onde a Diocese de Santiago e Mindelo assume a distribuição justa nas escolas com EMRC”.

Perante as necessidades sentidas a Lígia Pereira considera que a “campanha que era de emergência” vai tornar-se “uma campanha de longa duração” com planos para “intercâmbio de correspondência entre alunos dos dois países” e “recolha de donativos que ajudem a suportar a despesa com os manuais da disciplina para alunos carenciados”.

Imagem: EMRC Viana do Castelo

Educris|15.03.2021



Newsletter Educris

Receba as nossas novidades