EESTATÍSTICAS DIOCESES E ESCOLAS

UTILIZADOR:  
PASSWORD:    

ISCRA cria prémio escolar em homenagem ao Padre e cientista, Póvoa dos Reis

O ISCRA está a promover a I edição do Prémio «Póvoa dos Reis, cientista e padre», que pretende agraciar ensaios escritos sobre o contributo positivo do Cristianismo para o progresso das ciências. São destinatários deste prémio os alunos do 9º ano ao 1º ano do ensino superior, pretendendo-se que realizem um breve ensaio (2 a 4 páginas) sobre um facto, uma pessoa, um documento, uma descoberta que tenha contribuído, de forma directa, para o progresso científico e no qual tenha sido decisivo o contributo do Cristianismo.

Pretende-se, deste modo, colaborar na superação do preconceito de que o Cristianismo possa entender-se como um obstáculo ou um impedimento para a evolução do saber científico, quando este se pretende aberto e disponível para o diálogo. Visa-se, ainda, contribuir para homenagear um homem que conciliou, na sua própria vida, a ciência e a fé, o Padre e Cónego Póvoa dos Reis, cuja fé e saber de botânica andaram juntos sem que possam compreender-se dissociados. Os que privaram com este investigador a quem se deve a descoberta de algas da Ria de Aveiro, que ele próprio registou e a que atribuiu nome que a ciência conserva, falam de um sábio que se extasiava com as descobertas que fazia, como se a ciência despertasse para o mistério que se desvela na realidade.

A concretização desta I edição do Prémio «Póvoa dos Reis, cientista e padre» pretende, deste modo, promover, junto dos estudantes nacionais, uma outra abordagem sobre as possibilidades do diálogo entre a fé e a ciência, depurando causas de conflitos e retirando da história não só os desencontros, mas os efectivos encontros e reencontros. Porque a história da relação entre Cristianismo e Ciência não se esgota nas figuras de Galileu e Darwin. Póvoa dos Reis, Teilhard de Chardin, Newton e tantos outros também são marcos desta mesma história. E marcos que falam de encontros.

Direcção do ISCRA

Webmaster|2011-01-31|19:24:41




© SNEC, Todos os Direitos reservados | Contactos |