EESTATÍSTICAS DIOCESES E ESCOLAS

UTILIZADOR:  
PASSWORD:    

Aveiro: A Alegria da Missão

A casa diocesana de Aveiro recebeu, no passado sábado, dia 18 de outubro, a reunião geral dos docentes de EMRC da diocese de Aveiro.

Foi já dentro do espírito de Alegria, consagrado no lema para este ano letivo, que os docentes de emrc da diocese de Aveiro se encontraram, no passado sábado, na Casa Diocesana em Albergaria-a-Velha. Depois de um momento de oração entrou-se na ordem de trabalhos prevista para este dia.

Começou-se por fazer o ponto da situação no que se refere à colocação de professores e à abertura do ano letivo nas escolas da nossa diocese. Trocaram-se impressões sobre as dificuldades que têm vindo a ser noticiadas a nível nacional e que tiveram o seu reflexo também nos professores desta disciplina, atrasando a colocação de alguns deles e atribuindo a outros escolas em diferentes dioceses, mais distantes da sua residência. No entanto, foi reconhecido que este concurso consagrou, pelo menos de forma parcial, o desejo partilhado pela maioria dos professores de EMRC de que a sua colocação obedecesse formalmente às mesmas regras dos outros docentes.

De seguida, foi aberto o diálogo sobre as prioridades a ter em conta para o futuro da EMRC. Sobre esta questão, houve partilha de diferentes testemunhos que consideraram essencial que o professor de emrc, independentemente de ser contratado ou do quadro de agrupamento, tem de ser alguém que se centra no testemunho de uma vida em contínua procura da verdadeira Alegria, construtor de relações de proximidade em toda a comunidade educativa especialmente com os seus alunos, unido à Igreja de quem é enviado. Nesta reflexão, estiveram sempre presentes os desafios pastorais que nos coloca a exortação apostólica Evangelli Gaudium pois, de facto, ao professor de EMRC é exigido tudo o que é exigível aos outros professores no que ao profissionalismo e às competências científica e pedagógica diz respeito, mas leva também consigo uma leitura da realidade cheia de Esperança, que radica em Jesus Cristo morto e ressuscitado. O professor de EMRC é um evangelizador, um professor “em saída”. Sai de si próprio para ir ao encontro de cada aluno, em primeiro lugar, e sai de si próprio para permanecer aberto para toda a comunidade escolar.

Depois do café a meio da manhã, foi analisado em pormenor o Plano de ação para este ano que inclui atividades diocesanas e nacionais.

Após um almoço de convívio e a “foto de família”, o Sr. Bispo de Aveiro, dirigiu aos professores de EMRC da sua diocese palavras de encorajamento, de estímulo e de reconhecimento pelo serviço que exercem como membros ativos da Igreja.

O encontro terminou com a Eucaristia de envio dos professores. No final, foi com muita alegria que foi oferecido a D António Moiteiro um “coração com os braços abertos”, representando o desejo de todos os professores de acolher o nosso novo Bispo e de colocar-nos humildemente ao seu serviço. Desta forma, expressamos-lhe a vontade de que, a ele unidos, vivermos a missão de levar a verdadeira Alegria aos nossos alunos, colegas e a toda a comunidade educativa, para que “ Jesus reine” nas nossas escolas.

 

texto: Professor Pedro Ferreira

Imagem: Professor Filipe Tavares

 




© SNEC, Todos os Direitos reservados | Contactos |